Início Curiosidades Conheça as profissões que deixarão de existir daqui alguns anos

Conheça as profissões que deixarão de existir daqui alguns anos

por Curioso Links
0 comentário
  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  

E aí, está preparado para o futuro? Além de avanços tecnológicos e inovações significativas na medicina – como o transplante a partir de órgãos impressos em 3D -, ele também trará, a curto prazo, a extinção de algumas profissões.

Talvez você esteja pensando que por conta disso famílias ficarão desempregadas a mercê da sorte, certo? Na verdade, assim como já aconteceu no passado, elas deverão se readaptar a nova realidade e buscar alternativas.

Antes, por exemplo, existiam as telefonistas, lembra? Elas eram as primeiras a nos atender e redirecionavam a nossa ligação para o destino final. Hoje, porém, tudo acontece digitalmente e nem percebemos.

Seguindo essa mesma linha veja quais profissões serão extintas nos próximos anos.

1. Anestesista

Homem Anestesista

Muitos acreditam que a função dos anestesistas consiste apenas em aplicar a anestesia, porém, eles são fundamentais durante toda a cirurgia, pois monitoram a pressão arterial, pulso, ritmo cardíaco, respiração e temperatura corporal do paciente.

Apesar de toda a sua importância, pode ser que estes profissionais não durem por muito mais tempo. A empresa Johnson & Johnson desenvolveu (com sucesso) um robô capaz de aplicar anestesias em pacientes e desempenhar as mesmas funções de um anestesistas. A estimativa é que até 2030 este procedimento já esteja totalmente automatizado.

2. Piloto de Avião

Piloto de Avião

Muito provavelmente você já ouviu falar no termo “piloto automático” dentro aviação. Trata-se de um sistema eletrônico capaz de controlar todo o avião sem nenhuma interferência humana. Apesar disso, os pilotos (humanos) seguem realizando os procedimentos de decolagem e aterrizagem.

Mas, os dias também estão contados para essa profissão. Até 2030, aeronaves de médio e grande porte não precisaram mais de pilotos, pois sistemas altamente inteligentes serão capazes de controlar um voo – sob qualquer circunstância meteorológica – desde a decolagem até a aterrizagem.

3. Jornalistas

Atualmente, os jornalistas são fundamentais no processo de redação de sites e programas jornalísticos de televisão, entretanto, eles também estão com os dias contados para 2030.

Desde 2014, empresas do ramo da inteligência artificial desenvolvem programas capazes de sintetizar palavras e frases completas sobre os mais variados tipos de assuntos sem que você perceba se tratar de um texto elaborado inteiramente por um robô.

De 2014 até aqui se passaram 5 anos de avanços. Até 2030 terão se passado mais 11 anos, totalizando 16 anos de avanços em inteligência artificial. Logo, não há dúvidas de que jornalistas serão totalmente dispensáveis.


  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  
0 comentário

Talvez você possa gostar...

Deixe o seu comentário!